sexta-feira, 18 de dezembro de 2009

Mensagem de natal



Com alegria que só Cristo pode me proporcionar, quero apenas saudar os leitores que tem me acompanhado. Aos amigos, a promessa de orações e aos inimigos...orações e a certeza do combate. Enfim, gostaria mesmo de agradecer a todos que fazem a razão de ser do Sublime Verdade, sejam eles amigos ou inimigos. Deus recompense os leitores católicos com muitas graças.

O blogue entrará em recesso a partir da data da publicação desta postagem, e só volta em janeiro.
Tenham um Feliz e Santo Natal em Cristo com Maria!

quarta-feira, 16 de dezembro de 2009

Morre o "papa" Pedro II..ou será Pio XIII?



Padre Lucian Pulvermacher (OFM) – também conhecido como Papa Pio XIII e desde o ano passado Pedro II – morreu no dia 30 de novembro e foi enterrado esta semana em Washington. Ele e seus três irmãos eram todos padres Capuchinhos, uma vez foi missionário fervoroso nas ilhas japonesas. Mais tarde ajudou a FSSPX em seu início (como seu irmão Padre Carl até sua morte) tornou-se então independente, e foi eleito eventualmente por um pequeno conclave em Montana.

No ano passado eu recebi um email interessante deste papa. Ele tomou o nome de Pedro II após ter declarado que todos os batismos eram inválidos, exceto na exata forma: “Eu te batizo em nome de Deus o Pai, de Deus o Filho, e de Deus o Espírito Santo". Mudou as orações incluindo o sinal da cruz, o credo dos Apóstolos, a Ave-Maria e muitas outras [orações] básicas… Ele mesmo - disse em sua lista de email - foi preservado de modo miraculoso por séculos de batismos inválidos e expulsou a vasta maioria de seus antecessores pelo fato de já não serem católicos, com isso explica porque mudou seu nome para Pedro II… porque ele não poderia ser Pio XIII desde que não ouve um predecessor Pio. Ele entrou também no vedorismo e respondia a seu próprio telefone com um entusiasmado “Boa tarde”

Rezemos pela consagração da Rússia!

Traduzido do sítio Angelqueen

segunda-feira, 14 de dezembro de 2009

Sim, os homossexuais jamais herdarão o Reino dos Céus

Os homossexuais herdarão o Reino dos céus. Sim, eles herdarão o Reino dos céus – dizem – porque na medida em que um homossexual se arrepende dos seus pecados, se foram homossexuais cristãos que levaram uma vida casta, e estiveram profunda e sinceramente arrependidos, estes poderão ver a Deus.

Porventura poderia existir assassinos e ladrões cristãos? Ou quem sabe prostitutas cristãs? Aonde querem chegar? Eu falo de um modo objetivo e muito claro, não é para se mostrarem objetivos e claros que muitos escrevem em blogues? Pois então...

Acho sinceramente, que na visão de alguns católicos, o que causa esse equívoco, é pensar que o individuo está para nascer com “tendência homossexual”, assim como toda criancinha está para nascer com a mancha do pecado original.

Antes de mais nada, é totalmente contrário a doutrina da Igreja admitir a hipótese de um ser humano nascer com "tendência homossexual" pelo simples fato de que a Igreja nunca ensinou isso, seja pelo seu magistério extraordinário ou seja pelo magistério ordinário. E depois, se assim fosse, teriam que admitir a tendência ao roubo ou ao assassinato infundida em fulano e sicrano e dizer: “Oh puxa! Deus quis assim, vamos então converter essa tendência má para o bem...

Eu não estou dizendo que todo o mundo não tende a pecar, só estou dizendo que a ninguém Deus quis predestinar uma tendência de pecado especifica e nem infudir uma essência homossexual, ambas alternativas revelam um absurdo! E nem pretendo desconsiderar a questão psicológica, genética, hormonal e etc, que podem muito contribuir, influenciando diretamente na tal "tendência". Mas uma coisa é gene e patologia, outra coisa é justificar o pecado como causa genética e patológica.

Sua Excelência Cardeal Javier Lozano Barragán, afirma com razão: “os transexuais e os homossexuais jamais entrarão no reino dos céus, já que tudo o que vai contra a natureza ofende a Deus". Mas por outro lado, explica de forma ambígua que: “Talvez não sejam culpados”. Se ele estiver se referindo a uma patologia ou problema genético, sim talvez, mas veja bem, talvez não sejam culpados porque podem nascer assim, mas serão culpados se alimentarem por qualquer forma consciente, expresso em idéias ou em atos esse pecado.

sábado, 5 de dezembro de 2009